O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, participou nesta quinta-feira, dia 31, da abertura da 18ª Bienal Internacional do Livro, no Riocentro, em Jacarepaguá. Este ano, o evento vai homenagear a literatura nacional. Será o maior elenco de autores brasileiros de todos os tempos.
– É um evento que enobrece, dignifica, engrandece a cidade do Rio. Aqui, neste ambiente amplo, espaçoso, com esses estandes muito bem elaborados, vão se encontrar  700 mil pessoas em busca de livros, de autores, de poesias, de contos. Isso é fantástico. Daqui surgirão muitas ideias, novos planos de um futuro melhor do que temos hoje. O Rio aplaude e apoia essa iniciativa –  disse o prefeito, que estava acompanhado da primeira-dama, Sylvia Jane Crivella.
Entre as novidades da Bienal este ano, estão a arena #SemFiltro,  espaço com capacidade para 400 pessoas dedicado ao público infanto-juvenil, e o ambiente Geek & Quadrinhos, com cosplay, jogos de tabuleiro, games e outros elementos do mercado jovem.
Já o estande da Prefeitura contará com diversas atrações, como contação de histórias, encontro com escritores, cordelistas, oficinas, bate-papos e sessões de autógrafos, entre outras atividades. Segundo a secretária Municipal de Cultura, Nilcemar Nogueira, o evento é uma oportunidade maravilhosa para quem gosta de ler.
– A Bienal é o carnaval dos livros. Leitores, autores, editores, enfim, todos os apaixonados por livros se reúnem em torno do universo mágico da literatura.
O ingresso da Bienal, que vai até 10 de setembro, custa R$ 24 (inteira).
Previous post

Tallis Gomes, fundador da Easy Taxi, lança livro na Bienal do Rio

Next post

O Rappa faz show no Km de Vantagens Hall