Aproveitando as comemorações pelo Dia da Mulher – 8 de março – a Clínica Neurovida, no Recreio dos Bandeirantes realizará, do dia 11 ao dia 16 de março, uma Campanha de Prevenção ao Câncer de Colo de Útero. No período, as consultas ginecológicas contarão com o exame preventivo gratuito. As inscrições para participar da campanha já estão abertas e podem ser feitas pelos telefones 3738-9800/ 97513- 2413 (whatsapp). A Clínica Neurovida fica na Av. Lúcio Costa, 17.970, esquina com a Rua Gilka Machado, no Recreio dos Bandeirantes. www.clinicaneurovida.com.br.

A ideia de realizar campanhas de prevenção surgiu, segundo o médico André Lima, diretor da Neurovida, da necessidade de chamar atenção da população para a prevenção, evitando que as pessoas só procurem um médico quando já estão doentes. “Precisamos chamar atenção para a prevenção, realizando campanhas sobre o assunto. Se tivermos conhecimento de alguma doença no estágio inicial, o tratamento é menos complexo, com menor custo e as chances de cura são maiores”, explica o diretor da Neurovida.

A proposta é que a clinica ofereça várias campanhas ao longo do ano, de acordo com datas temáticas e também envolvendo as especialidades médicas. “ Estamos sempre organizando palestras também sobre o Alzheimer, Parkinson, AVC, e realizando ações para aferir gratuitamente a pressão arterial e taxa de glicose” diz Lima.

Para participar da campanha:

Segundo a ginecologista Laura Iorio, da Neurovida, a campanha é voltada para mulheres que tenham vida sexual ativa e histórico familiar. “Mas sempre esclarecendo a todas que o preventivo é muito importante e deve ser realizado pelo menos uma vez ao ano” afirma a ginecologista, acrescentando que para a coleta adequada do exame preventivo é necessário: já ter iniciado a vida sexual; não estar no período menstrual; evitar relações sexuais e uso de medicação intravaginal (como cremes e duchas vaginais) nas 48 horas que antecedem o exame.

Até o final de 2018 cerca de 16.370 novos casos de câncer de colo do útero serão diagnosticados. Este é o terceiro tumor mais freqüente nas mulheres, atrás do câncer de mama e do colorretal e a quarta causa de morte no Brasil.O câncer de colo do útero pode ser ocasionado por uma infecção persistente por alguns tipos do Papilomavírus Humano – HPV. A infecção por esse vírus é muito freqüente e em alguns casos, podem ocorrer alterações celulares que podem evoluir para um câncer. Essas alterações das células são descobertas com o exame preventivo (Papanicolau) e são curáveis na quase totalidade dos casos se diagnosticadas a tempo. Fonte: INCA (Instituto Nacional do Câncer).

Previous post

Shopping Metropolitano Barra faz promoção de carnaval e dá packs de cerveja para compras no site

Next post

Especialista esclarece detalhes da depressão que aflige jovens em idade escolar