Search Day Night
3837 Followers
Benefícios Do Chocolate / Cacau

Os benefícios do chocolate

Total
0
Shares
Tráfego Promo

Além do sabor incrível, os benefícios do chocolate também incluem manter corpo e mente saudáveis

Considerado um dos doces mais saborosos do mundo, o nutritivo chocolate é parceiro da humanidade há mais de 3.500 anos. Segundo os historiadores, sua origem foi rastreada até a cultura Olmeca, que floresceu no norte da América do Sul e é a predecessora de todas as culturas pré-colombianas.

Feito a partir da semente do cacau torrada e fermentada, essa iguaria que se tornou símbolo da Páscoa em vários lugares também é aliada da nossa prosperidade, já que, devido ao nosso clima tropical, encontram-se no Brasil algumas das maiores plantações de cacaueiros do planeta.

Tem mais, nosso amigo chocolate também é muito prático para guardar ou carregar; quantas vezes aquela barra de chocolate companheira não nos salvou e quebrou o maior galho quando estávamos com o dia corrido e sem tempo para sentar e fazer uma refeição decente, não é mesmo?

Muitas vezes, chocolate nos traz sensações boas e reconfortantes, seja devido ao paladar seja por causa do lado emocional: encontrando um ovo de Páscoa escondido, recebendo de presente uma caixa de bombons sortidos ou até percebendo uma bela sobremesa com cobertura chegando na mesa!

Benefícios Do Chocolate

Bons motivos para preservar essa parceria milenar e alguns benefícios do chocolate

Benefícios do chocolate para o coração

Quem consome chocolate reduz os riscos cardiovasculares em até 33,3%. O ácido esteárico contido nesse alimento é capaz de reduzir os riscos de ataques cardíacos e arteriosclerose, que são causados por colesterol alto e inflamação das artérias.

O cacau é reconhecido por aumentar o nível de colesterol bom (HDL) e reduzir o colesterol ruim (LDL). As propriedades dos flavonoides protegem o coração contra inflamações e estresse oxidativo infligidos pelos radicais livres.

Pós graduado em Medicina do Esporte e Membro da American Academy of Anti Aging Medicine, Dr Gabriel Azzini diz: “Chocolate amargo diminui a quantidade de LDL oxidado, que contribui para a formação de placas nas artérias, provocando melhora da fluidez do sangue e evitando placas no coração”.

“Um estudo observacional mostrou que pessoas que consumiram chocolate mais de cinco vezes por semana tiveram diminuição drástica do risco de doença coronariana, de doença nas artérias que nutrem o coração, diminuindo o risco de morrer de infarto, por exemplo”, atesta o Dr Azzini.

Benefícios do chocolate para a pele

Outro benefício do chocolate é proteger a pele contra queimaduras por exposição ao sol. Um estudo mostrou que consumir chocolate por doze semanas proporciona uma pele mais hidratada e grossa, bem como melhora a capacidade antioxidante do tecido subcutâneo, graças aos flavonoides.

Benefícios do chocolate no controle da diabetes

Segundo pesquisa publicada no The American Journal of Clinical Nutrition, chocolate escuro, desde que não contenha açúcar ou leite, melhora o metabolismo da glicose e reduz a pressão. A regulação do óxido nítrico produzida por flavonoides poderia explica os efeitos na pressão e no nível de insulina.

Benefícios do chocolate na luta contra o câncer

A semente do cacau também é muito rica em flavonoides, um tipo de antioxidante que reconhecidamente auxilia na regeneração de células danificadas, o que poderia manter afastada a probabilidade de desenvolver câncer.

Para aproveitar os efeitos benéficos do chocolate contra o câncer, a American Cancer Society, nos EUA, recomenda comer moderadamente chocolate com 70% de cacau.

Benefícios do chocolate no combate à depressão

Segundo o Journal of Functional Foods, propriedades antioxidantes, vasodilatadoras, anticoagulantes e anti-inflamatórias do cacau combatem desordens no cérebro; testes mostraram que alimentos ricos em flavonoides, como o chocolate escuro, melhoram o humor e trazem efeitos antidepressivos.

Benefícios do chocolate para a inteligência

De acordo com um estudo chefiado pelo Dr David Kennedy, da Northumbria University, no Reino Unido, chocolate torna você mais desperto e alerta, o que indiretamente auxilia o incremento da inteligência; os infalíveis flavonoides aumentam o fluxo de sangue para o cérebro.

“Chocolate aumenta o fluxo sanguíneo cerebral, podendo melhorar sua capacidade funcional e evitar doenças degenerativas; um estudo mostra que os flavonoides incentivam a produção de óxido nítrico, um vasodilatador, favorecendo a chegada de mais sangue nos neurônios”, explica o Dr Gabriel Azzini.

Dois outros estudos da Loma Linda University, nos EUA, sugerem que pequenas quantidades de chocolate diárias favorecem a memória, o humor, a cognição e o sistema imunológico.

No primeiro, pessoas comeram 48g de chocolate contendo 70% cacau e 30% açúcar orgânico de cana, tendo seus cérebros monitorados por eletroencefalografia, a qual mostrou intensificação de ondas cerebrais no córtex, mormente relacionado à memória e à cognição, até os primeiros 30 minutos.

No segundo, voluntários não ingeriram antioxidantes e comeram o mesmo por uma semana; testes sanguíneos revelaram: aumento dos genes envolvidos em sinalização neural e percepção sensorial, bem como aumento dos genes ligados à imunidade e redução dos relacionados a inflamações.

“Esses estudos indicam que quanto maior a quantidade de cacau maior será o impacto positivo na cognição, na memória, no humor, na imunidade e outros benefícios”, afirma o Dr Lee Berk, coordenador do estudo da Loma Linda University.

Benefícios do chocolate no combate à ansiedade

Apesar de ainda não haver comprovação científica, um estudo preliminar da Universidade Federal de Lavras, em Minas Gerais, mostrou que o chocolate preto diminui níveis de ansiedade. A pesquisa com 85 voluntários mostrou que a redução independe se falamos de chocolate ao leite ou chocolate escuro.

No experimento, os voluntários comeram dois tipos de chocolate da mesma marca — um contendo 34% e outro 70% de cacau — e preencheram questionários, antes e depois da ingestão, nos quais escolhiam opções de como se sentiam. No fim, foram avaliados apenas os ítens relativos à ansiedade.

“Observamos que, independente dos teores de cacau dos chocolates consumidos, os níveis de ansiedade foram reduzidos significativamente quando medidos 30 ou 60 minutos após a ingestão”, explica ao professor Fernando Henrique Ferrari Alves, um dos coordenadores da pesquisa.

“Humanos não se alimentam só pela necessidade biológica, o processo de alimentação envolve fatores cognitivos, emocionais e comportamentais. Queríamos entender como se comporta a satisfação ao se consumir chocolate, aliada aos níveis de ansiedade”, diz a coordenadora do estudo Ana Carla Marques.

Segundo o professor Alves, “chocolate contém algumas substâncias que são precursoras da dopamina e da serotonina, neurotransmissores relacionados diretamente à modulação do nosso comportamento e, consequentemente, dos níveis de ansiedade”.

Benefícios do chocolate para a vista

Não é só a cenoura que faz bem para a visão, garante Meenakshi Nagdeve, diretora do site Organic Facts: chocolate pode ser ótimo para a vista porque melhora o fluxo sanguíneo para o cérebro e possivelmente para a retina.

Benefícios do chocolate com leite após o treino

Para melhores resultados com atividade física, garanta que a refeição ou bebida pós-treino seja adequada. Após a malhação, seu corpo está mais receptivo para utilizar aminoácidos para reparar o tecido muscular, bem como para utilizar carboidratos para restaurar o glicogênio dos músculos.

Uma das melhores opções de bebida pós-treino é leite achocolatado, indica o especialista em fitness e colaborador dos sites AskMen.com e FoxNews.com, Jeff Bayer.

A maioria das bebidas lácteas de chocolate é feita com 1% ou 2% de leite, mas você pode criar seu próprio achocolatado sem gordura, adicionando calda de chocolate num copo de leite normal; isto irá fornecer-lhe os benefícios dos carboidratos, adicionado à ótima fonte de proteína natural que é o leite.

Porém, é importante notar que as diferentes marcas irão variar sobre o valor calórico total, apesar de o teor de gordura ser praticamente o mesmo, portanto o conteúdo calórico total (geralmente variando de 90 a 200 por 250 ml) será diferente.

Aqui está o porquê de o leite achocolatado estar no topo da lista quando se trata de alimentar-se após uma sessão puxada na academia.

Contém proteína

O leite achocolatado pós-treino é benéfico por causa de seu conteúdo proteico; cada copo contém entre 8 e 11 gramas de proteína. Preferencialmente, você deve consumir entre 15 e 25 gramas de proteína após o treino, o que equivale a 500ml a 750ml de leite com chocolate.

Além disso, um estudo no American Journal of Clinical Nutrition descobriu que, quando ingeridas imediatamente após o exercício, as proteínas à base de leite promovem maior síntese de proteína muscular do que as proteínas de soja.

Leite contém 80% de proteína de caseína e 20% de proteína de soro; é o ideal, porque a proteína de soro de leite tem ação rápida e permite que aminoácidos cheguem diretamente ao tecido muscular, enquanto que a da caseína é digerida lentamente, em fluxo constante por longo período.

Contém carboidratos

Optar por leite achocolatado logo após as sessões de musculação é uma jogada inteligente por conta dos tipos de carboidratos que a bebida fornece. A contagem total de carboidratos varia de acordo com a marca que você escolher, mas a maioria contém cerca de 20 a 25 gramas de carboidratos.

O açúcar irá causar um aumento nos níveis de insulina, levando as moléculas de glicose no tecido muscular e repor as reservas de energia para o próximo treino. Sem esse pico de insulina, você teria um período de recuperação mais lento, o que pode significar mais tempo fora da academia.

Um estudo do International Journal of Sports Nutrition monitorou sessões de treino exaustivos em dias alternados, e, depois, acompanhou a recuperação do organismo. Os indivíduos consumiram leite com chocolate ou um fluido de reposição de carboidratos pós-treino.

Observou-se que, após o período de recuperação, quem estava bebendo leite com chcolate logo após o treino mostrava melhor desempenho no intervalo entre sessões, indicando que os carboidratos no leite achocolatado estavam fazendo um trabalho melhor na recuperação do que as bebidas de reposição.

Contém cálcio

Finalmente, beber leite com chocolate no pós-treino é bom devido ao seu conteúdo de cálcio. O cálcio é um dos minerais que desempenha papel fundamental quando as fibras musculares individuais geram a tensão que causam a contração do músculo.

Os íons de cálcio são o que se ligam à membrana plasmática e enviam um dos primeiros sinais para estimular este mecanismo, conhecido como power stroke. Assim, sem íons de cálcio suficientes no organismo, este processo não ocorrerá de forma otimizada.

Ao beber leite achocolatado no pós-treino, você aumenta sua ingestão diária de cálcio, e aumenta a probabilidade de um power stroke ideal. A maioria das marcas contém entre 300 e 400 mg de cálcio.

Caia matando também no leite!

Leite com chocolate tem uma má reputação por conter muito açúcar, mas essa percepção está mudando rapidamente, e as pessoas estão trocando repositores por essa deliciosa bebida, depois de suarem nas suas sessões de treino.

Assim, não há necessidade de gastar “rios de dinheiro” para preparar “bebidas milagrosas” se, ao invés disso, você optar por leite com chocolate.

Brownies

Benefícios do chocolate ao parar de fumar

O fumo é considerado um dos mais prejudiciais e mais difíceis de serem abandonados vícios que podem acometer o ser humano, fato agravado nas últimas décadas, quando o cigarro passou a funcionar praticamente como mero veículo para outras substâncias tão viciantes quanto nocivas.

O abandono desse vício que afeta a vida pessoal dos fumantes e dos integrantes de seu círculo social terá grau de dificuldade diretamente proporcional à frequência e à idade com a qual o dependente deu suas primeiras tragadas. Recomenda-se que o tratamento só deva começar por inciativa própria.

Sendo assim, nem todos são capazes de parar de fumar sem auxílio e, por isso, existem tratamentos que auxiliam a abandonar o tabaco cientificamente testados e disponíveis até mesmo pelo sistema de saúde pública.

Já outros, conseguem largar esse vício fumacento sozinhas ou com auxílio de gomas de mascar e adesivos de nicotina, os quais são medicamentos e, como tal, vêm acompanhados de bula para ser seguida à risca, do contrário podem ocasionar sérios problemas e até a morte.

Entre os potenciais efeitos negativos imediatos da sábia decisão de parar de fumar estão: nervosismo, aumento desregrado do apetite, “saudade” do hábito de soltar fumaça, ansiedade e depressão.

Indica-se exercícios e esportes contra os dois primeiros, bem como, a substituição (temporária) do cigarro pelo charuto ou cachimbo (que não se traga) para suprir a vontade de fazer fumaça. Comer chocolate moderadamente aumenta a sensação de saciedade e reduz efeitos do descontrole do apetite.

Para quem não tem restrições médicas, chocolate pode servir como antidepressivo imediato no combate a efeitos químicos no cérebro com o fim do tabagismo; espalhe seus chocolates favoritos pela casa e pela dispensa, não obstante, tenha em mente que qualquer coisa em excesso pode fazer mal.

Tray Of Chocolates

Apesar de tantos benefícios do chocolate, nem tudo é festa

Os chocolates são feitos da semente amarga do cacau; o chocolate escuro é tido como o mais saudável (contém de 45% e 70% de semente de cacau) e, sem “uma tonelada” de açúcar, seria “intragável”, alega o escritor e colaborador de The New York Times e The Washington Post Steven Petrow.

Segundo Steven, chocolates brancos não trazem benefício algum, quase todos os chocolates ao leite não contribuem em nada para a saúde do corpo e algumas marcas de chocolate amargo podem ser verdadeiras bombas calóricas – muito embora a ciência reconheça a ação antioxidante destes últimos.

Petrow reconhece os vários benefícios do chocolate escuro cientificamente comprovados: para a saúde do coração, para uma boa pressão sanguínea, no combate à depressão e na luta contra certos risco de câncer, entre muitos outros.

Não obstante, ele adverte que existem estudos alertando sobre consumo em excesso de chocolate ser potencialmente perigoso para desenvolvimento de outros tipos de câncer e, claro, para o perigoso aumento descontrolado de peso.

Os benefícios do chocolate existem, desde que tenhamos moderação, como em tudo na vida.

Atendimento Medico Distancia

Atendimento a distância pode ser peça-chave para achatar a curva do COVID-19

Em meio ao caos que se instala nos lares e nas empresas neste momento, fico pensando em como…

You May Also Like

O Que Fazer Na Barra Da Tijuca Em 2021

Newsletter Barrazine

O melhor da Barra da Tijuca: Eventos, dicas, novidades, promoções especiais e vouchers exclusivos

Usamos cookies » Política de privacidade
Total
0
Share