Search Day Night
3837 Followers
Home School

Impactos da COVID-19 na educação exigem maior interação entre família e escola

Total
51
Shares
Tráfego Promo

66% dos pais têm dificuldade com as mudanças na rotina dos filhos, mostra pesquisa da EY-Parthenon sobre impactos da COVID-19 na educação

Quais são as angústias e desafios da educação básica em tempos de isolamento social? Como famílias e escolas se adaptaram para seguir com o calendário escolar a distância? Essas foram algumas das questões levantadas pela EY-Parthenon, em conjunto com a Educa Insights, na pesquisa “Impacto da Covid-19 no ensino básico privado no Brasil”, que ouviu mais de 200 famílias e profissionais de educação para analisar as implicações do cenário atual no aprendizado dos estudantes e na saúde financeira das escolas. 

Impactos da COVID-19 na educação

66% dos pais apontam dificuldade em lidar com as mudanças no processo de aprendizado dos filhos e 47% afirmam que a escola não está dando o suporte necessário de forma remota, aponta o estudo. Para os familiares, o ensino está ocorrendo de forma mais lenta − o que pode prejudicar o planejamento pedagógico e resultados no Enem, por exemplo. 


Com a nova de rotina, considerando a organização simultânea do trabalho, apoio às crianças, cuidados domésticos e impactos da COVID-19 na educação, os pais sentiram-se mais desafiados e 54% deles apontaram uma dificuldade moderada em navegar pela nova experiência de ensino online. 

“A mudança abrupta e improvisada deixará marcas definitivas para o modelo educacional. O maior uso de tecnologia será uma realidade, mas não necessariamente levará a melhorias no aprendizado. É um cenário desafiador e que, sem dúvida, poderá alterar os modelos de ensino e nos modelos de negócios de muitas instituições na área”, afirma Eduardo Tesche, sócio de estratégia da EY Parthenon e líder da pesquisa. 

Os impactos da COVID-19 na educação e a pressão nas escolas 

No período da pesquisa, 35% dos pais tinham sido impactados no seu trabalho de alguma forma, seja pela redução da jornada (28%), ou pela perda do emprego (7%). Com isso, a pressão para a diminuição das mensalidades cresceu. 49% dos entrevistados estimam dificuldades para pagar as escolas e 28% acreditam que não conseguirão arcar com os valores atuais. 

Para as instituições de ensino isso significa lidar com cada situação de forma individualizada, reconhecendo as limitações do modelo e fornecendo alternativas na trajetória de aprendizagem. Os ajustes realizados vão desde uso de ferramentas tecnológicas até então pouco utilizadas até a oferta de materiais pedagógicos adicionais, além da intensificação do contato com pais e estudantes para feedbacks. 

Maior Interação Entre Pais E Filhos Pode Minimizar Negatividade Dos Impactos Da Covid-19 Na Educação
Maior interação familiar pode minimizar impactos da covid-19 na educação

Empatia e integração 

Segundo Eduardo, o elemento central nos próximos meses e na potencial evolução do sistema educacional será a transformação dos papeis de professores, alunos e familiares. “Não é possível terceirizar totalmente a educação dos filhos. A maior integração entre as partes e a percepção de que um ensino de qualidade depende de todos serão fundamentais para que os impactos imediatos na aprendizagem sejam minimizados e para que as finanças das escolas sejam preservadas”, afirma. 

A importância da autonomia dos estudantes também é uma das conclusões do estudo. O engajamento de alunos, tornando-os centrais no processo, ajuda a preparar uma geração mais independente e capaz de lidar com um mundo cheio de incertezas. 

Que tal usar o momento atual para investir no fortalecimento dos vínculos familiares?

A vida agitada das grandes cidades e o corre corre do mundo atual deteriorou bastante a relação entre pais e filhos. De fato, desde as décadas finais do século passado, essa relação tem ficado cada vez mais deteriorada. Sendo assim, talvez esta seja uma boa época para fortalecer um pouco mais os vínculos familiares que vieram se deteriorando, fazendo, dessa maneira, do limão uma limonada.

Julho Laranja

Julho Laranja: 5 dicas básicas para manter a saúde da boca em dia

Coordenadora do curso de Odontologia ressalta a importância da conscientização sobre o tema e compartilha orientações práticas para evitar complicações durante a quarentena.

You May Also Like

O Que Fazer Na Barra Da Tijuca Em 2021

Newsletter Barrazine

O melhor da Barra da Tijuca: Eventos, dicas, novidades, promoções especiais e vouchers exclusivos

Usamos cookies » Política de privacidade
Total
51
Share