Search Day Night
3837 Followers
Imunidade Nutricao Zinco

O papel da nutrição na melhora da imunidade e na prevenção e tratamento da Covid- 19

Total
0
Shares
Tráfego Promo

Considerando o interesse que o tema tem despertado, tanto entre profissionais de saúde quanto pela população em geral, o objetivo desse artigo é descrever o papel fisiológico do micronutriente Zinco e vitamina D e o possível benefício do uso de suplementação para a melhora da imunidade e na prevenção e tratamento da Covid-19, após análise de evidências disponíveis até a presente data

Os estudos têm demonstrado diferentes funções exercidas pela Vitamina D e pelo Zinco no organismo humano. Dentre essas funções, destacam-se suas atividades reguladoras do sistema imunológico e de processos inflamatórios.

No contexto da Covid-19 — uma infecção viral que possui em sua apresentação clínica a presença de processo inflamatório, pneumonia e síndrome do desconforto respiratório agudo —, tem sido sugerido que os dois micronutrientes poderiam atuar inibindo a replicação do vírus e, assim, modulando a resposta imune e diminuindo a expressão de citocinas pró-inflamatórias. 

Relação saúde nutrição, conheça o papel da nutrição na melhora da imunidade:

O papel da vitamina D na prevenção e tratamento da Covid-19

A vitamina D desempenha importante função no sistema imune e nas atividades antioxidante e anti-inflamatória. No sistema imune induz a diferenciação de células T e B, reduz a capacidade das células T de produzirem interleucina 2 e aumenta a porcentagem de células capazes de produzirem interleucina-13 ou interleucina-6. Ademais, inibe a produção de imunoglobulinas pelos linfócitos, estimula a diferenciação de monócitos em macrófagos e os induz a produzir Interleucina-1. 

Um estudo com camundongos utilizando medicamentos existentes para tratar a lesão pulmonar aguda induzida por infecção pelo vírus influenza H5N1, demonstrou que o calcitriol (forma ativa da vitamina D) promoveu redução da infiltração inflamatória de células e dos escores de lesão pulmonar e melhorou o edema pulmonar, além de inibir a replicação do vírus e aumentar a taxa de sobrevivência dos animais. 

As pesquisas com vitamina D indicaram a presença de efeito protetor em condições como na pneumonia, e sua deficiência foi relacionada com infecções virais como influenza e a Síndrome da Angústia Respiratória Severa (SARS). 

A apresentação clínica da COVID-19 envolve um estado inflamatório, em virtude do aumento da expressão de citocinas pró-inflamatórias e, em sua forma grave, há um maior do risco de pneumonia, choque séptico e SARS. 

Nesse sentido, estudos apontam funções da vitamina D sobre aspectos clínicos da doença, em que foi demonstrada relação inversa do status de vitamina D com casos graves de pneumonia, com o aumento da produção de citocinas pró-inflamatórias, com o aumento do risco de sepse e com o risco de SARS. 

O Papel Da Vitamina D Na Prevenção E Tratamento Da Covid-19

As principais fontes alimentares da vitamina D são peixes com alto teor de gordura (salmão, sardinha), gema de ovo, fígado, leite e seus derivados.

Uma hipótese proposta para a ação da vitamina D na COVID-19 é de que ela pode induzir a produção de peptídeos antimicrobianos que atuam na inibição da replicação do SARS-CoV-2. E, como já mencionado, a doença também está associada com a maior produção de citocinas pró-inflamatórias, de maneira que a vitamina D poderia agir na redução do processo inflamatório. 

Entretanto, apesar de terem sido sugeridas possíveis vias para ação da vitamina D na COVID-19, os ensaios clínicos sobre sua utilização nos casos da doença ainda estão em andamento.

O papel do Zinco na prevenção e tratamento da Covid-19

Com relação ao Zinco, ele é um oligoelemento essencial determinante para manutenção da função imune inata e adaptativa. Embora o mecanismo seja incerto, tem sido relatada atividade antiviral do zinco pela inibição da replicação viral em cultura de células, inibindo a atividade da polimerize do RNA da corona vírus e pela amplificação da ação antiviral de citocinas e interferon humano (IFN-α).

O zinco realiza três atividades biológicas essenciais no corpo, atuando como componente estrutural, enzimático e de regulação. Um estudo recente mostrou que, a combinação de zinco (Zn2+) com a piritiona de zinco em baixas concentrações inibiu a replicação in vitro do SARS-coronavírus (SARS-CoV) por meio da inativação da RNA polimerize dependente de RNA (RdRp). 

Ressalta-se ainda que a inflamação esteja associada com a patogênese da COVID-19 e, que nessa perspectiva do estado inflamatório, o zinco apresenta ação reguladora da resposta pró-inflamatória direcionada ao fator nuclear Kappa B (NF-κB). 

Dessa forma, com base na função do Zinco em mecanismos de inibição da replicação viral, ação imunomoduladora e anti-inflamatória, a suplementação desse mineral em pacientes com COVID-19 é alvo de ensaios clínicos em andamento, e outros estudos estão em curso para investigar a associação do zinco juntamente com outros possíveis agentes terapêuticos.

Alimentos como Mariscos, ostras, carnes vermelhas, fígado, miúdos e ovos são consideradas as melhores fontes de Zinco.

Vale ressaltar que, a absorção intestinal de zinco de alimentos vegetais não é tão grande quanto de alimentos de origem animal. Portanto, os vegetarianos podem precisar de até 50% mais de zinco na dieta do que os nãos vegetarianos. O nível superior de ingestão de zinco é de 40 mg por dia. 

Dra Cintia Cossich Nutricionista
Dra. Cintia Cossich

Um grande abraço e até a próxima.

Dra. Cintia Cossich

  • CRN 07100749
  • Instagram: @cintiacossich_nutri
  • Nutricionista Ortomolecular com ênfase em Nutrigenômica, com Consultório na Espaço Salud, na Estrada Benvindo de Novaes, 1825 – Sala 305 – Recreio dos Bandeirantes 

Referencias bibliográficas:

ASBRAN Associação Brasileira de Nutrologia: POSICIONAMENTO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NUTROLOGIA (ABRAN) A RESPEITO DE MICRONUTRIENTES E PROBIÓTICOS NA INFECÇÃO POR COVID-19.

Revista da FAESF, vol. 4. Número especial COVID 19. Junho (2020) 16-27 ISSN 2594 – 7125
Maria do Carmo de Carvalho e Martins1 ; Amanda Suellenn da Silva Santos Oliveira2 .
Zinco, vitamina D e sistema imune: papel na infecção pelo novo  corona vírus.

Chá De Gengibre Com Limão

3 bebidas detox para emagrecer e ter mais saúde

Tenha mais saúde com recitas simples e práticas: três bebidas para você ingerir à noite, desintoxicar o fígado e baixar de peso. Elas o ajudarão na sua dieta, bem como a limparão seu organismo.

You May Also Like

O Que Fazer Na Barra Da Tijuca Em 2021

Newsletter Barrazine

O melhor da Barra da Tijuca: Eventos, dicas, novidades, promoções especiais e vouchers exclusivos

Usamos cookies » Política de privacidade
Total
0
Share