Search Day Night
3837 Followers
Dieta Mediterrânea: Patrimônio Imaterial Da Humanidade

Dieta mediterrânea: Patrimônio Imaterial da Humanidade

Total
1
Shares
Tráfego Promo

Moradores da Grécia e da Itália vivem mais que a média mundial e têm menos câncer

Por quê? Acontece que o seu estilo de vida e a alimentação especial lhes conferem benefícios que nenhum outro povo do mundo possui. Além disso, os povos mediterrâneos administram o tempo para comer sem pressa e com os amigos, tomam uma taça de vinho nas refeições, exercitam-se regular e moderadamente e desfrutam a vida através de muita positividade.

Reconhecida por benefícios que vão desde reduzir o risco de desenvolver doenças cardiovasculares a aumentar a saúde da pele e do cabelo, a dieta mediterrânea leva esse nome porque é adotada em países ao redor do mar de mesmo nome, tais como: Itália, Espanha, sul da França, Grécia (em especial na lha de Creta) e alguns países do Oriente Médio.

A dieta mediterrânea como alternativa

A melhor coisa na dieta mediterrânea é que é fácil de começar. Existem muitas maneiras de incorporar a dieta mediterrânea em sua vida, com receitas deliciosas e planejamento de refeições fáceis. Não se trata de contar calorias ou cortar grupos alimentares inteiros, a dieta mediterrânea é fazer escolhas alimentares saudáveis.

YouTube video

Optar pela busca no aprimoramento da qualidade de vida através da reeducação alimentar pode ser uma sábia decisão que trará benefícios para toda a vida. Para que você possa traçar uma estratégia correta nessa direção, saiba que a dieta mediterrânea é importante para a saúde do corpo, da mente e do espírito. Ela é uma dieta repleta de gorduras saudáveis, fibras e ácidos graxos ômega 3, privilegiando o consumo de azeite de oliva, vinho tinto e nozes.

YouTube video

Sarah Wilson, uma apresentadora de TV e autora de best seller australiana, relaciona essa dieta à “redução significativa do risco de doenças cardiovasculares, controle de peso sono e melhor bem-estar geral”. Sarah é uma grande defensora dessa dieta como uma ferramenta de gerenciamento e ela incentiva a adição de outras opções de alimentos e bebidas saudáveis. Você pode desfrutar de iogurtes naturais saborosos como parte dessa dieta, mas evite os alimentos com baixo teor de fibras e tenha cuidado com os refrigerantes diet.

YouTube video

A saborosa dieta mediterrânea consiste em uma variedade de alimentos como: frutas, cereais, legumes frescos, peixes, queijos, ovos e pães integrais. É uma dieta extremamente saudável, rica em nutrientes, antioxidantes e fitoquímicos e pobre em gordura saturada e colesterol. Não falamos aqui de uma dieta vegetariana, no entanto o consumo de carne vermelha é reduzido. Não foi a toa que a UNESCO classificou essa dieta como Patrimônio Imaterial da Humanidade.

YouTube video

Alguns creem que a dieta mediterrânea causa perda de peso por seu alto teor de fibras. Ela está repleta de tantos superalimentos que é fácil fazer uma dieta balanceada ao longo do ano. Não é um método para perder peso rapidamente, mas a longo prazo e para manter-se bem. Ao comer essa miríade de alimentos , você pode desfrutar de refeições densas em nutrientes que apoiarão sua saúde e peso. Se você quer perder peso com saúde, inclua carboidratos e gorduras saudáveis.

YouTube video

Um dos segredos dessa dieta é consumir produtos frescos (corra dos industrializados). Embora a redução do consumo de sal seja muito benéfica, os benefícios de abraçar integralmente a dieta mediterrânea superam em muito quaisquer benefícios da simples redução de sal, açúcar ou gordura. Por sua vez, a carne vermelha não deve ser consumida com tanta frequência.

YouTube video

Resumindo, a dieta é rica em alimentos integrais e vegetais, mas pobre em alimentos processados, açúcar, doces e gordura saturada. É mais saudável quando você usa azeite de oliva extravirgem como sua principal fonte de gordura, consome quantidades moderadas de vinho tinto, pratica exercícios e faz refeições com a família e amigos.

YouTube video

Alguns destaques da dieta mediterrânea

Entre os grandes destaques na dieta mediterrânea estão as oleaginosas, muito ricas em vitamina E, selênio, ácidos graxos ômega 3, bem como diversas ouras gorduras mono e poli-insaturadas. Além de intensamente saborosas, nozes, amêndoas e castanhas são alimentos incrivelmente versáteis, podendo ser consumidos puros ou em receitas, além de serem fáceis de encontrar.

Por falar em versatilidade, as azeitonas ajudam a prevenir doenças cardíacas, auxiliam o sistema imunológico, fortalecem os ossos, protegem os olhos de doenças e ainda regulam o intestino, entre outros benefícios. Por sua vez, o azeite extravirgem possui propriedades anti-inflamatórias e é carregado de ácido graxo ômega 3, que reduz o colesterol ruim e aumenta o colesterol bom, entre muitos outros benefícios.

Como já mencionado, leguminosas são uma ótima fonte de alimento, e uma ótima opção de feijão para você incluir no prato é o feijão vermelho. Ele também pode ser cozido em um delicioso molho cremoso, curry ou guisado. O feijão branco é muito nutritivo e é considerado um superalimento. O feijão branco também é uma grande fonte de ferro, fibra, magnésio, cálcio e vitaminas C e K. Além disso, eles têm benefícios antiinflamatórios.

Os tomates são ricos em vitamina B6, bem como vitaminas C e E e potássio. Eles também são considerados parte integrante da dieta mediterrânea. As folhas verdes, como espinafre e couve, são ricas em vitamina A, que traz muitos benefícios, como proteger a visão, ajudar o corpo a absorver o ferro e auxiliar o sistema imunológico. Além disso, o ferro do espinafre é melhor absorvido do que do repolho roxo.

Outro grande destaque da dieta mediterrânea é o vinho. Considerado um grande aliado da vida saudável, ele deve ser consumido preferencialmente durante as refeições, mas em doses bem moderadas, no máximo duas taças por dia. Mesmo para pessoas normais qualquer excesso pode transformar esse potencial aliado de uma vida longa em inimigo da saúde física e mental, podendo causar danos no fígado, coração, cérebro etc.

Dieta Mediterrânea Funciona

Decálogo da Dieta Mediterrânea:

  1. Inclua azeite de oliva em sua rotina alimentar
  2. Consuma bastante alimentos de origem vegetal
  3. Coma pão e outros alimentos integrais
  4. Opte por alimentos frescos e da época, evitando a todo custo os processados
  5. Consuma laticínios todos os dias
  6. Tenha em mente que carne vermelha pode ser consumida, mas moderadamente
  7. Tenha frutos do mar como principal fonte de proteína animal (ovos em menor quantidade)
  8. Passe a consumir sempre uma fruta na sobremesa
  9. Conscientize-se de que água é a principal bebida; vinho só acompanhando refeições
  10. Faça exercícios físicos moderados todos os dias.

Fontes:

https://www.womenshealthmag.com/uk/food/healthy-eating/a708462/foods-you-should-eat-more/

https://menshealth.pt/saude/dia-mundial-do-coracao-reduza-o-colesterol-com-este-alimento/124543/

https://www.statpearls.com/ArticleLibrary/viewarticle/82040

https://www.medicalnewstoday.com/articles/weight-loss-is-a-vegan-diet-better-than-the-mediterranean-diet

https://www.bbc.com/portuguese/vert-fut-43311266

https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2016/03/160319_legumes_verduras_horta_rm

http://www.elespectador.com/vivir/ellas/cierto-dieta-mediterranea-funciona-articulo-553504

Exercicios Cardiorrespiratorios Bike

Exercícios físicos: benefícios para o corpo e a mente que você ainda não sabia

Praticar atividades físicas melhora a qualidade do sono, a autoestima, a vida sexual e propicia mais benefícios para corpo e mente do que supunha nossa vã fisiologia...

You May Also Like

O Que Fazer Na Barra Da Tijuca Em 2021

Newsletter Barrazine

O melhor da Barra da Tijuca: Eventos, dicas, novidades, promoções especiais e vouchers exclusivos

Usamos cookies » Política de privacidade
Total
1
Share